Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘União Europeia’

eu

O assunto não é consensual mas diz-nos respeito a todos. Uns acham que o sonho europeu terminou, no meio de nacionalismos, populismos, terrorismos, ondas de refugiados, assimetrias económicas, resgates e referendos; outros creem firmemente que, apesar de tudo, a Europa é o único caminho para os que a ela aderiram, o único meio de evitar futuras guerras e de aspirar a um futuro melhor. Todos, porém, estão de acordo que esta União vive uma das crises mais graves da sua História de quase 60 anos.

E o que acha o leitor? Aproveite para pensar no assunto e deixe-nos a sua opinião na sondagem que hoje iniciamos.

Fernando Rebelo

Read Full Post »

Sobre a última sondagem…

Nos últimos meses quisemos saber a opinião dos nossos leitores sobre os inventos/descobertas que poderiam ser mais importantes em 2011. Todas as opções apresentadas se baseavam não em fantasias de uma qualquer ficção científica ou avanços técnicos previstos para um futuro longínquo mas em previsões publicadas em sites da especialidade, como já foi referido no post aqui no Bibli que lançou a questão aos nossos leitores.

As respostas deram clara primazia às descobertas relacionadas com as melhorias no campo da saúde, e foi sem surpresa que a previsibilidade da cura ou, pelo menos, o controlo do vírus do SIDA, ficou em 1º lugar com 45% dos votos. Em segundo, com 15%, o alívio da dor crónica através de um implante de um microship manteve a tendência. Apenas no terceiro posto, com 13% das escolhas, ex-aequo com a cura de algumas formas de cegueira com uma retina artificial, a descoberta de um planeta semelhante à Terra se intrometeu nestas escolhas relacionadas com a saúde.

Com 5% dos votos, no 4º lugar, tivemos as viagens turísticas ao espaço e a iluminação pública natural através da colocação de nano partículas nas folhas das árvores, enquanto que o ecrã interactivo em tecido, papel, madeira ou qualquer outro material e o carro voador apenas contaram com 3% das preferências. Finalmente, nenhum leitor pareceu entusiasmado com as bactérias que armazenam dados substituindo os discos rígidos.

Uma nova sondagem…

Embora seja um assunto que gostaríamos de evitar, parece-nos de momento incontornável pois afecta a sociedade portuguesa como um todo – como vai cada um reagir à crise? Ao levantarmos a questão aos nossos leitores não pretendemos situá-la a nível ideológico ou partidário, apenas a nível pessoal e cívico, mais uma vez, sem outra pretensão que não seja contribuir para uma breve reflexão sobre o tema.

É evidente que esta crise não afecta todos por igual e há já alguns que nem sequer estarão em condições de responder – apenas desejarão que quem está neste momento decidindo sobre o nosso futuro lhes devolva aquilo que em tempos todos tivemos como um direito garantido e que agora parece cada vez mais precário – um emprego. Para esses vai a nossa solidariedade, pensando que se muitos vão ver pioradas as condições de vida, outros já só pensam em como sobreviver.

Embora a questão se dirija obviamente a quem reside em Portugal e sente no quotidiano a incerteza do futuro ou já a funesta certeza do presente, as respostas dos nossos leitores de outros países lusófonos  para quem o assunto não seja de todo alheio serão igualmente bem-vindas.

Participe!

Fernando Rebelo

imagens daqui e daqui

Read Full Post »

Foi no dia 12 de Junho de 1985 que o 1º ministro Mário Soares, nos Jerónimos, assinou o tratado de adesão à então C.E.E. Desde esse dia muita coisa mudou e, respeitando a salutar divergência de opiniões, desde as mais euro-cépticas, que falam de perda de soberania, de “clube dos ricos”, até às mais euro-entusiásticas, que continuam a ver a UE como a “terra prometida”, duas ideias atravessam todo este percurso, com a maturidade que 25 anos já conferem a uma vida: “não há almoços grátis” e, como tal, tudo tem o seu preço; por outro lado, em termos de abertura à Europa e ao mundo, o país é hoje definitivamente outro.

Para muitos jovens, que nem sequer haviam nascido nesse dia 12 de Junho de 1985, a ideia de ter de usar passaporte, de trocar de moeda em cada fronteira, de estar confinado a este espaço nacional em termos de horizontes, é perfeitamente incompreensível.

Para todos os efeitos, com todos os defeitos, a percepção do espaço geopolítico e cultural é hoje outra: podemos festejar com esperança e afecto o nosso “10 de Junho”, mas ao mesmo tempo saudar os novos horizontes que este evento, há 25 anos, trouxe a todos, especialmente aos mais jovens.

É por isso que, à nossa escala, na ESDS, promovemos o contacto cultural no espaço europeu, acreditando que uma educação integral não se faz apenas nas aulas de geografia,  de formação cívica ou de língua estrangeira. E um dos nossos melhores cartões de visita são as 190 mobilidades de alunos que o nosso Clube Europeu já promoveu desde 2004, ao abrigo de programas como as parcerias multilaterais Comenius e os intercâmbios de estudantes.

É por isso que nesta efeméride recomendamos vivamente uma visita ao website deste nosso projecto.

clique para aceder ao site

Read Full Post »

Na semana em que os 27 países da U. E. se preparam para, ao mesmo tempo, no dia 7 de Junho, escolher os deputados para o seu Parlamento comum, pensamos que é uma boa oportunidade para dedicar uma Estante a essa comunidade que todos partilhamos – a Europa.

Assim, do nosso Centro de Recursos, divulgamos uma série de livros, filmes e jogos, cobrindo não só diversos temas sobre a Europa, desde as suas instituições até à sua História e Cultura,  como públicos e interesses variados.

Lembrando ainda a extensa actividade do  Clube Europeu da nossa escola, cujo sítio convidamos a visitar, aproveitamos ainda para divulgar algum material sobre os países com os quais a ESDS mantém intercâmbios regulares de estudantes: Bélgica, Hungria e Holanda.

Ceuropeu

visite o site do Clube Europeu da ESDS

Read Full Post »