Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Semana da Leitura’

Ainda completamente fora de tempo, mais vale tarde do que nunca, já que, à exceção da campanha Miúdos a Votos, todo o restante programa se cumpriu.

Dulce Sousa (PB ES Daniel Sampaio)

Este slideshow necessita de JavaScript.

Read Full Post »

                     Clique para aceder ao programa completo

Read Full Post »

Apesar dos resultados nacionais só serem tornados públicos em junho, na Escola Daniel Sampaio já temos vencedores escrutinados: O Principezinho, no Ensino Básico, com uma expressiva de um total igualmente expressivo de votantes; e a Culpa é das Estrelas, no Ensino Secundário, com um muito mais modesto número total de votantes.

A todos os votantes agradecemos a participação, especialmente aos entusiastas do 7º e 8º anos que fizeram campanha pelas suas obras favoritas!

Read Full Post »

semana da leitura - cartaz

Read Full Post »

Este slideshow necessita de JavaScript.

Read Full Post »

Entre  algumas as atividades previstas para a Semana da Leitura (que este ano tem como tema Palavras do Mundo), destacamos uma performance poética levada a cabo pelo Ateliê de Expressão Dramática (dinamizado pelo colega Carlos Amaral) que, à semelhança do ano anterior, animará o espaço da BE no intervalo das 11:45 nos dias 17 e 18 de março. Para além de integrar a Semana da Leitura promovida pelas BE do agrupamento, esta atividade pretende ainda antecipar a celebração do Dia Mundial da Poesia que terá lugar a 21 de março.

Estão todos convidados!

cartaz semana da leitura

Read Full Post »

No dia 25 de março a Semana da Leitura da BE teve o seu momento mais intenso com a Performance Poética levada a cabo pelo nosso colega-poeta Carlos Amaral e alguns alunos do Ateliê de Expressão DramáticaFrancisco Jordão, Rúben Pereira e Raquel Santos. Surpreendendo os utentes que se encontravam na BE e outros que se deslocaram expressamente para a performance, Carlos Amaral recebeu-os exclamando bem alto: agora não há silêncio na biblioteca! vamos enchê-la de poesia! E assim se iniciaram as hostilidades…

Durante 20 minutos, os membros do grupo, liderados por Carlos Amaral, leram poemas deste último, provocando o público, convidando-o a participar também na festa da palavra dita. Houve da parte da audiência sorrisos, destemida colaboração, reserva tímida, mas acima de tudo surpresa pelo momento em que a palavra ganhou vida, rompendo o silêncio das estantes e a rotina dos trabalhos escolares – houve poesia! Deixemo-nos então contagiar pela mensagem do nosso colega-poeta: Deixa afirmar/que a palavra crua sabe dizer/o encanto que perfaz/o delicado olhar/perdido no horizonte. (in Náutica para náufragos desafogados).

Fernando Rebelo (PB)

  • Antologia de poemas de Carlos Amaral declamados na performance
  • Obras de poesia do autor disponíveis na BE: Desflorar da Flor de Sal, EdMinerva, 2010, localização: 821.134.3. AMA3; Sereno Fluir Das Horas, Ed. colibri, 2004, localização: 821.134.3. AMA; A Sombra Dos Momentos Felizes, Ed. colibri, 2000, localização: 821.134.3. AMA1

Este slideshow necessita de JavaScript.

Read Full Post »

No âmbito da Semana da Leitura, que teve lugar na ESDS entre 21 e 28 de março, foi igualmente projetado um diaporama na biblioteca, sala de professores e sala de alunos. O objetivo era dar a conhecer de uma forma sucinta um pouco da história da nossa língua e o que dela disseram alguns dos que dela fizeram  a sua arte e o seu ofício – escritores portugueses, brasileiros, angolanos, moçambicanos – sem preocupações de seguir nenhum critério curricular ou cânone literário, apenas dar voz e rosto a algumas vozes e rostos desta lusofonia, no ano em que se comemoram 8 séculos da sua oficialização escrita.

O diaporama, cujo um compacto em filme aqui publicamos, foi posteriormente utilizado em aulas de Português de algumas turmas de 10º e 11º ano, onde os alunos tiveram oportunidade de (re)conhecer alguns autores que nele figuravam e de escolher e debater os excertos que mais gostaram.

Algo ficou para além da constatação de que Mia Couto é nome de homem: língua-passageira das nossas caravelas quinhentistas, lembrámo-nos que ela já é pertença de mais de 200 milhões de falantes um pouco por todo o mundo.

Fernando Rebelo (PB)

Read Full Post »

No âmbito do estudo da lírica de Camões e como forma de assinalar os 8 séculos da Língua Portuguesa, celebrados na Semana da Leitura, os alunos do 10ºB foram convidados a transformar o poema Descalça vai para a fonte de Luís de Camões.

Aqui fica um dos textos selecionados.

Ana Noválio (profª. de Português)

leonor

Read Full Post »

CARTAZaceda aos artigos sobre atividades da Semana da Leitura

Read Full Post »

clique para aceder ao regulamento

clique para aceder ao regulamento

Read Full Post »

carlos amaralFoi com livros, poesia, liberdade e evocações de momentos em que essa liberdade não estava ao alcance da esmagadora maioria dos portugueses que decorreu a  Semana da Leitura promovida pela BE da ESDS entre os dias 22 e 27 do passado mês de abril.

Assim, o Prof. Carlos Amaral, com base em alguns excertos da sua obra,  e contando com a colaboração dos alunos Francisco Jordão e Pedro Pendão, encheu de poesia e gesto o espaço da entrada da BE no primeiro intervalo da manhã do dia 23, lembrando que a palavra e a sua interpretação não são só uma forma de arte mas um exercício de liberdade.

Esteve igualmente patente, durante 2 semanas a exposiçãoLivro & Liberdade – que pretendia evocar esse direito pelo qual tantos lutaram. Os visitantes puderam ver alguns facsímiles de  autos de censura de livros desde 1933 a 1974, bastante reveladores da moralidade da época. Neles os “analistas” literários desse lápis azul (na maior parte de um vermelho pleno de raiva censória) tecem considerações acerca da falta de qualidade da poesia de Miguel Torga, da imoralidade da vida de Simone de Beauvoir, e da protagonista do também proibido Bonjour Tristesse (de Françoise Sagan), entre muitos outros a merecer uma atenção mais cuidada do leitor curioso na galeria que abaixo exibimos. Estiveram também expostas cópias de alguns dos mais vistosos cartazes da revolução, completamente desconhecidos dos mais novos, mas ainda na memória de muitos de nós.

Uma palavra especial para todos os que tornaram possível esta Semana da Leitura: para além do prof. Carlos Amaral, as colaboradoras da biblioteca, Helena Amaro e Fernanda Peralta, pelo seu constante entusiasmo e disponibilidade, assim como a prof.ª Luísa Oliveira pela colaboração na seleção documental, a prof.ª Ana Noválio pela seleção de letras e músicas com que a rádio da escola acompanhou o evento e, finalmente,  todos os colegas de Português que desenvolveram atividades nesta semana temática nos seus períodos letivos.

Fernando Rebelo

Este slideshow necessita de JavaScript.

Read Full Post »

LL2

Tal como anunciado aqui no Bibli, vai realizar-se a Semana da Leitura, entre 22 e 27 de Abril, sob o tema Livro & Liberdade, que pretende juntar as efemérides dos dias 23 e 25 de Abril. Assim, o evento incluirá uma exposição sobre o mesmo tema, com informações sobre a Censura em Portugal no período do Estado Novo, facsímiles dos Autos de Censura de obras de autores conhecidos, tal como uma pequena mostra de cartazes da  revolução.

Teremos ainda no dia 23 de Abril, entre as 10 e as 10:15, uma performance poética na biblioteca, concebida e realizada pelo professor Carlos Amaral e os alunos do Ateliê de Expressão Dramática sob o tema da liberdade.

Por seu turno, a Associação de Estudantes, na pessoa do seu presidente João Simões, responsáveis pela animação sonora dos intervalos, disponibilizou-se para passar nesses dias música e palavras dedicadas à literatura e à liberdade, enquanto os professores de Português deverão dispor de algum tempo dos seus períodos letivos para a realização de atividades com os alunos na mesma linha temática.

Boas Leituras e Viva a Liberdade!

Read Full Post »