Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘Informação’

A Qwiki é uma espécie de Wikipédia cujos verbetes (entradas) são apresentados sob a forma de uma síntese multimédia (imagens, vídeos, audio e texto) a partir da expressão pesquisada pelo utilizador, que o software compila em tempo real a partir de outros sites. Segundo os seus promotores, representa o futuro das enciclopédias online, para uma obtenção rápida de informação de carácter científico-cultural.

Apesar de apenas estar disponível, de momento, em língua inglesa, não deixa de ser um conceito interessante no campo da apresentação da informação online, a merecer sem dúvida uma visita dos nossos leitores.

clique para aceder ao site

Read Full Post »

clique para aceder ao site da comemoração (versão portuguesa)

Quem já estava nestas andanças das bibliotecas antes da era digital, lembra-se como ter uma boa enciclopédia – cara, com uma capa dura, austera, sustentada por uma editora clássica – era um elemento fundamental para credibilizar qualquer acervo. Esta prática  apresentava porém sérios problemas a quem defendia um paradigma mais dinâmico na gestão documental: como guardar um imenso conhecimento global, dinâmico e mutável por definição, num suporte estático, imutável, volumoso? Lá vinham então as actualizações, caríssimas, todos os anos, já que a solução alternativa apresentada pelas publicações periódicas de temática muito específica estava apenas reservada  a um público  muito especializado academicamente.

Com o aparecimento do suporte digital, o CD veio resolver o problema do espaço, tornando em pouco tempo o clássico vendedor de enciclopédias numa figura anacrónica do passado. No entanto, foi só com o advento da publicação online que a  actualização  da divulgação documental do conhecimento começou a ganhar um ritmo que acompanhava a própria evolução da sua produção.

A Wikipédia surge no limiar da Web 2.0: não só é muito acessível  e está em constante actualização, como também permite  a mutabilidade de papéis, a interacção que caracteriza esta nova era – (quase) todos podem ser leitores e autores: o mundo tinha finalmente encontrado uma expressão democrática e global para a produção e difusão do conhecimento geral.

É evidente que a quantidade e facilidade no acesso à informação não garante por si só rigor  técnico e científico  e, com o passar do tempo, os próprios mentores da Wikipédia se foram apercebendo disso, tentando hoje equilibrar a ideia da partilha radical com a validação da informação por especialistas.

Mas, mesmo com todas as imperfeições de qualquer produção humana, a Wikipédia tornou-se praticamente sinónimo de enciclopédia, merecendo sem dúvida os parabéns por estes 10 anos online!

Fernando Rebelo

imagens daqui e daqui

Read Full Post »

Desde meados do mês que entrou em funcionamento o novo portal da ESDS, sob a gestão de alguns professores da equipa PTE: Sandra Venda, Fátima Delgado e Rudolfo Pereira. Esperamos que seja  funcional, informativo e interactivo para a comunidade educativa em geral e, em particular, para visitantes com menor conhecimento da estrutura organizacional da escola.

A BE tem lá o seu espaço e  disponibiliza já alguns serviços em conjunto com o Bibli, como informações de funcionamento, documentação e acesso ao catálogo online. Brevemente poderão ainda, para utentes identificados, vir a ser disponibilizados outros serviços online como a requisição  de equipamento.

Se ainda não conhece o novo portal, faça-nos uma visita.

clique para aceder ao Portal da ESDS

 

Read Full Post »

Perguntámos  no início do ano lectivo, na nossa Sondagem do Mês, que factores poderiam contribuir mais para o melhorar.

Contabilizados os votos, há a destacar um razoável número de participantes, tendo 30% considerado que uma maior responsabilização das famílias seria o mais importante para melhores resultados. De facto, algumas mudanças sociais passaram a atribuir à escola, quase em regime de exclusividade, a tarefa de educar as crianças e os jovens, sentindo-se muitos pais desresponsabilizados pelo seu processo educativo, que certamente vai muito para além do que a melhor escola lhes pode dar. O outro lado da moeda talvez seja uma recente participação mais activa das associações de pais nos órgãos de gestão, tornando-os corresponsáveis pelas decisões da instituição que socialmente prepara o futuro dos seus educandos.

Sem grandes surpresas, a satisfação profissional dos professores, colheu o segundo lugar nas preferências, com 20% dos votos. As constantes reformas no ensino e alterações nas condições da carreira docente não têm  certamente criado um ambiente muito favorável ao seu desempenho. Mas este tema levar-nos-ia muito mais longe que um simples apontamento aqui no Bibli recomendaria…

Em terceiro, com 8%, uma maior preparação dos professores e uma maior autonomia na gestão das escolas leva-nos para o lado técnico-organizacional do ensino.. e quem sabe se estes factores não estarão de alguma forma associados ao anterior.

Finalmente, instrumentos jurídicos, como o Novo Estatuto do Aluno ou a melhoria dos recursos materiais, como a intervenção do PTE e do parque escolar nas escolas, recolhem 6% e 4%, respectivamente das preferências dos leitores.

Mas, mal ou bem,  o ano lectivo já está em marcha, é tempo de propor-vos uma nova sondagem sobre um tema que desde há algum tempo está na ordem do dia, pelas melhores ou piores razões: qual a característica mais marcante das redes sociais (blogues, marcadores sociais, Twitter, Facebook, etc.)?

Dificilmente esta forma de comunicação, disseminada a uma velocidade exponencial, levantaria mais dilemas, ambivalências em relação ao seu papel na nossa sociedade do que qualquer outra anteriormente experimentada. Se, por um lado, uns a diabolizam pelo excesso de exposição da intimidade, os perigos das amizades virtuais, o excesso de ruído e de informação, que não substituem o conhecimento,  a reprodução em vez da produção, outros há que defendem o dever moral da partilha, a multiplicidade de fontes de informação, a velocidade e a capacidade que alcançámos no acto comunicativo, e todo um novo paradigma de interacção social, ensino e aprendizagem que rapidamente se está desenvolvendo.

E você, leitor, o que acha?

(dê-nos o seu “clique” no painel lateral do blogue: Sondagem do Mês)

Fernando Rebelo

imagens: daqui e daqui

Outras sugestões:

 

Read Full Post »



Outras sugestões no Bibli na Linha na Estante:


Read Full Post »

“A Internet é a primeira coisa inteiramente produzida pela humanidade, que a humanidade não entende; a maior experiência de anarquia que alguma vez tivemos”

Fonte: The Independent

Read Full Post »